Jovem confessa ter assassinado taxista do Pará com 22 facadas

Guarantã do Norte

12/02/2016 às 08:57

Capturado pela Polícia Militar em um sítio à cerca de 50 km de União do Norte, Luiz Hernandes Moreno dos Santos, vulgo Cebola, confessou ter matado com requintes de crueldade o Senhor Isaltino Franco Paulino, 68 anos, em Guarantã do Norte no dia 11 de fevereiro.

Ele teria tido uma discussão com a vítima e devido a isso acabou usando uma faca para tirar a vida do taxista, segundo narrou para a Polícia Militar foram 22 facadas.

Cebola foi preso no sítio de um parente de sua amásia Francieli Souza Lima, com a chegada da Polícia Militar liderada pelo Cabo Maciel os suspeitos empreenderam fuga num matagal próximo, mas foram capturados.

Eles reagiram à prisão sendo necessário o uso da força moderada. Na delegacia ele confessou que matou o taxista Raimundo da Silva Brito de Castelo de Sonhos (PA), além do outro crime. Um terceiro envolvido neste crime foragiu para Sinop, identificado como Rafael a Polícia passa agora investigar o paradeiro do mesmo.

Fonte: Resumo Diário


Veja mais

DEIXA UM COMENTÁRIO Clique aqui

Teu email não será publicado.

Enviar comentário