Governador visita Colíder e entrega concessão de rodovia para Via Brasil

Colíder

23/10/2020 às 10:41

Autor: Angela Fogaça

Foi realizada na manhã de hoje, a solenidade de entrega pelo  governador Mauro Mendes dos trabalhos iniciais executados pela concessionária Via Brasil. O ato simbólico de descerramento de placa foi realizado no trevo de acesso à Colíder.

O governador foi recepcionado no aeroporto de Colíder pelo prefeito de Colíder Noboru Tomiyoshi, o vice Massahiro Ono e outras autoridades locais e seguiu de carro para o local do evento. Logo após a solenidade, seguiu para o Sindicato Rural de Colíder, onde realizou uma breve reunião com as lideranças locais.

Mauro Mendes realizou a entrega de duas viaturas para a Polícia Militar de Colíder e foi homenageado com a doação de uma tela produzida por uma artista plástica do município.

Cobrança de pedágio ainda não foi iniciada

De acordo com a assessoria da empresa Via Brasil, ainda não há uma definição do início de cobrança do pedágio nas rodovias, onde foram instaladas 3 praças. Quem realiza o cálculo para definição de valor do pedágio, segundo informado, é a Ager MT, que também emite a autorização para início da operação comercial.

Após a aprovação é autorizado o início da operação comercial, que deve vir acompanhada da prestação de uma série de serviços de apoio ao usuário 24 horas por dia, como sistema de comunicação e controle de tráfego, primeiros socorros, ambulâncias, socorro mecânico, guinchos, carros-pipa, estacionamento, área de descanso, banheiros, fraldário, troca de pneus, limpeza, resgate e proteção de animais, além da manutenção da pista, da sinalização e dos sistemas.

O trecho de 188,2 quilômetros das rodovias MT-320 e MT-208 foi colocado em leilão em 2018, quando estudos técnicos apontarem a viabilidade econômica da sua inclusão no Programa de Exploração Rodoviária (PER) para ser concedido à administração do setor privado.

O contrato de transferência da administração das rodovias para a responsabilidade da concessionária foi assinado em 2019. Desde então, a empresa vem realizando os trabalhos obrigatórios previstos em contrato, como a recuperação preliminar do pavimento, revitalização da sinalização vertical e horizontal, recuperação e instalação dos sistemas elétrico e de iluminação, limpeza da pista, acostamento, etc.

O processo de concessão de rodovias é considerado essencial para que o governo faça frente à enorme demanda de investimentos em infraestrutura rodoviária no Estado. Ao repassar a administração dos trechos que apresentam viabilidade econômica para a administração privada, o governo garante a manutenção da trafegabilidade das rodovias, além da prestação de uma série de serviços adicionais para ofertar segurança e conforto aos usuários, ao mesmo tempo em que desonera os cofres públicos da necessidade de novos investimentos nos trechos concedidos.

O contrato de concessão das rodovias MT-320 e MT-208 tem duração de 30 anos com previsão de investimentos de R$ 1,9 bilhão na restauração, manutenção, construção de melhorias e na prestação de uma série de serviços aos usuários das rodovias. Nesta fase dos trabalhos iniciais da concessionária foram gerados mais de 500 empregos temporários, além de outros 90 empregos diretos e permanentes na operação do sistema e prestação de serviços.

 

Fonte: Nortão Online


Fotos da notícias

Veja mais

DEIXA UM COMENTÁRIO Clique aqui

Teu email não será publicado.

Enviar comentário